Twiggy: uma lenda da moda

Twiggy é um ícone da moda desde que eu tinha 16 anos

Twiggy é um dos nomes mais marcantes da história da moda. Ícone dos anos 60 e considerada a primeira top model do mundo, a britânica ganhou fama com seu biótipo magro e pelo famoso cabelo curtinho estilo ‘joãozinho’. Aos 60 anos, ela continua uma carreira com trabalhos na tv, além de parceiras com lojas como a HSN.

Ela é uma das personalidades que conseguiu marcar uma época. Não há como não pensar em moda da década de 60, sem pensar em Twiggy. Nascida em Middlesex, na Inglaterra, ela foi descoberta aos 16 anos, após ter sido fotografada com um corte de cabelo curtinho para o salão de beleza The House of Leonard. Depois disso, ela foi capa de grandes revistas de moda como a Vogue.

Seu rosto apareceu em bonecas, jogos e comésticos. Ma sua carreira como modelo durou até o início da década de 70. A partir daí, ela começou a enveredar pela carreira como cantora e atriz em produções como The Boy Friend (1971) e There goes the bride (1979). Ela também chegou a participar Club Paradise (1986), ao lado de Robin Williams. Sua última atuação foi em 2005, em uma produção para o canal BBC, The Taming Of The Shrew – Shakespeare Re-Told. Twiggy lançou diversos discos entre as décadas de 70 e 80, entre eles Here I go again (1976), Please get my name right (1977). Um dos últimos grandes trabalhos na TV foi a sua participação como jurada no programa americano America’s next Top Model, ao lado de Tyra Banks e do fotógrafo Nigel Barker.

Mas a ex-modelo sempre está diversificando no trabalho. Em 2010, Twiggy fez uma parceria com a loja HSN e lançou uma linha roupas, calçados e acessórios, chamada Twiggy London. Esta foi a primeira coleção assinada por ela. No mesmo ano, ela também lançou o livro Twiggy: a life in photographs, que faz uma retrospectiva de sua carreira. Além de em 2010, o National Portrait Gallery ter feito uma exposição em comemoração aos seus 60 anos. Atualmente ela se dedica a causas sociais, como a PETA.

Definitivamente, Twiggy é um ícone, caso contrário não seria lembrada até os dias de hoje. O seu estilo andrógino, magrinho e aquele cabelo curto em um rosto fino, com olhos arregalados e marcados  por delineadores são inconfundíveis.  Seu jeito único e original para a época influenciou muitas mulheres e continua até hoje. É o caso do último corte de cabelo de Emma Watson que foi inspirado nela.

Foto: saracatharine no Flickr

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.