London Fashion Week

Desfile Peter Pilotto no London Fashion Week

A temporada de moda em Londres já começou. A capital britânica recebeu coleções de grandes grifes inglesas como Christopher Kane, Vivienne Westwood e Peter Pilotto com seus trabalhos para as próximas estações. Confira abaixo o resumo dos desfiles.

Christopher Kane

O estilista apostou em combinações inusitadas, mas sempre se prendendo a um look mais sério e, principalmente, fácil de ser levado às ruas. Kane trouxe algo direrente às passarelas, ele saiu do óbvio e quis inovar. E deu certo. A jornalista Suzi Menkes, do jornal britânico The Herald Tribune, elogiou o trabalho da grife e disse que o estilista “cuidadosamente trabalhou para fazer tecidos inesperados, combinações estranhas e construções sutis parecerem enganosamente simples”.

Peter Pilotto

A marca veio com uma coleção vibrante para as passarelas. Ela teve como inspiração as culturas asiáticas. Apesar da coleção ser para o inverno, a grife buscou cores fortes como o verde, amarelo e azul como as principais de sua coleção. As estampas gráficas foram um dos destaques de Peter Pilotto. As jaquetas também vieram com mais volume, mas sem perder o lado atraente de marca. Os cortes das roupas favoreceram as silhuetas, e muitos tinham detalhes vazados, o que conferiu um ar diferente nas peças.

Vivianne Westwood

A estilista apostou numa coleção mais simples e menos teatral, ao contrário do que fez nas temporadas anteriores. Mas Westwood não deixou de colocar o que faz de melhor no estilo britânico. A coleção contou com peças de alfaiataria, jaquetas assimétricas, estampas étnicas, além de clássicas estampas como o xadrez. Destaque para as tatuagens desenhadas nos modelos.

Issa London

Sob o comando da brasileira Daniella Issa Helayel, a marca veio com uma coleção inspirada em vários países: Índia, Mongólia, China e Rússia. A estilista apostou em estampas, principalmente as étnicas, a clássica combinação vestido com legging, além de acessórios bordados com temáticas chinesas.  Destaque também para as leggings de veludo e vestidos no estilo dos anos 30. As peças com certeza vão aparecer no armário de Kate Middleton, uma das clientes mais famosas da marca.

Basso & Brooke

O estilista Bruno Basso se inspirou no artista Matisse. Ele trouxe mais liberdade à coleção, criando peças assimétricas, estampadas e muito texturizadas. O corte das roupas não seguiu um padrão, algumas tinham cortes retos e outras não. A coleção veio com um ar jovial e descolado. Um dos destaques foram as bolsas estampadas. Elas foram feitas em parceria com a Cambridge Satchel Company.

Foto desfile Peter Pilotto: ffw.com.br

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.