A Casa de Criadores

A coleção de Arnaldo Ventura fou a grande revelação da Casa dos Criadores

A Casa de Criadores chegou a sua 30ª edição e fechou o calendário dos desfiles de 2011. O evento aconteceu no Cine Joia, em São Paulo, entre os dias 12 e 14 de dezembro, e é conhecido por apresentar novos talentos da moda. Jovens estilistas apresentaram suas coleções para o inverno 2012, num total de 28 desfiles.

O primeiro dia da Casa dos Criadores contou com a apresentação dos trabalhos de estilistas como o carioca Fernando Cozendey que faz parte do Projeto Lab, programa para novos talentos, onde são exercidas experimentações de moda. Cozendey apresentou uma coleção inspirada em rituais funerários. O estilista também trabalhou em cima dos conceitos de moda praia, transformando maiôs em vestidos e macacões.

Uma das outras estilistas foi Gabriela Sakate. Seu trabalho teve um apelo mais comercial e voltou mais para peças que dessem ênfase a silhueta, além de focar bastante em tecidos que dessem foco a essa parte do corpo. Sua coleção foi simples e bem feita. O encerramento do dia ficou por conta de Walério Araújo. A coleção de Araújo foi inspirada nos trabalhos da estilista Madmés Grés. Vestidos longos e drapeados e tecidos nobres foram o grande forte da coleção.

No segundo dia, um dos grandes destaques foi Juliana Moriya. Ela utilizou bastante estampas tropicais, além de ter peças ótimos acabamentos e proporções. Outro destaque foi Karin Feller. Ela teve uma pegada mais comercial, mas ousada ao mesmo tempo. A estilista apostou em peças de alfaiataria, além de ter se inspirado na Amélia Earhart, pioneira da aviação. Já Weider Silveiro trabalhou em uma coleção inspirada no punk, alfaiataria e androginia.

No terceiro e último dia, um dos destaques foi Jadson Raniere que focou na alfaiataria, seu ponto forte. Ele apostou em ternos recortados, forros acetinados, toda uma estética bem utilizada. A coleção teve um lado comercial, mas estava acima dos padrões devido ao bom acabamento das peças, além de um conceito perfeitamente trabalhado e que estava alinhado.

Mas a grande revelação da Casa dos Criadores foi Arnaldo Ventura. O estilista mostrou uma de suas melhores coleções no evento. Ele seguiu uma linha oriental, utilizando temas florais e origami. A alfaiataria, que sempre está presente em seu trabalho, novamente apareceu em mais uma coleção. Tudo com um nível de acabamento profissional.

O calendário de moda de 2011 terminou, mas em janeiro grandes eventos como Fashion Rio e São Paulo Fashion Week vão dar início aos grandes desfiles de 2012, e o Moda e Luxo estará acompanhando!

Foto coleção Arnaldo Ventura: edgblogs.s3.amazonaws.com

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.