Man repeller: a divertida moda de espantar os homens

Imagem do blog de moda da blogueira Leandra Medine

O estilo man repeller ganha cada vez mais adeptas a maneira mais descolada de se vestir, mas considerada por alguns homens não muito atrativa. Essa nova moda dá lugar ao jeitinho feminino e coloca em destaque um look mais elaborado, muitas vezes até antiquado, como óculos grandes de aro grosso e aquele casaquinho da vovó.

A estudante de moda nova-iorquinha Leandra Medine, de 22 anos, foi a inventora da expressão man repeller (repelente de homem). A estudante tem um blog que fala desse novo estilo e de como usá-lo. O site fez tanto sucesso que em menos de um ano ganhou mais de 16 mil seguidores.

O site e o conceito ganharam fama. E a blogueira chamou a atenção de vários jornais e revistas, como O Globo que a entrevistou para uma matéria de moda no caderno Megazine. Ela também foi matéria do The New York Times e apareceu em publicações do Nylon Magazine, Harper’s Bazaar e The New Yorker. O blog surgiu com ideia de que as meninas que se vestiam com a moda das passarelas acabavam solteiras, logo a culpa de relacionamentos falidos era da roupa. Então Leandra criou o conceito de man repeller. A blogueira, em entrevista ao jornal O Globo, confessou de que já não tem mais esse tipo de opinião, mas que gosta de continuar dando dicas de como montar um look com humor.

Nas boates cariocas, pelo menos nas mais alternativas, já pode ser conferido como a nova moda ganhou fãs. A saia curta, decote e cabelão dão espaço a um estilo mais masculino, com calças super largas, cabelos raspados, além de ombreiras e tamancos altíssimos de causar estranheza. Tanto que é considerado excêntrico e de até espantar os homens. O batom preto, calças saruel e de cintura alta, saias compridas até o chão, ombreiras grandes e muitas sobreposições de peças também fazem parte desse estilo.

Umas das adeptas dessa nova moda anti-homem é a vocalista da banda Cansei de Ser Sexy, Luiza Lovefoxxx. A cantora gosta de usar maquiagens pesadas, exagerar nos acessórios, além de usar collants e roupas volumosas.

A blogueira até chama a combinação casaquinho da vovó com óculos de aro grosso de «birth control» (controle de natalidade), e brinca ao dizer que um método contraceptivo infalível.

Fica a dica para quem gostar de inovar e sair do lugar comum. Man repeller é um estilo anti-Carrie Bradshaw que não é para todas, e não são muitas as mulheres que se identificam. Mas o interessante dessa tendência é a busca por uma moda contrária ao jeito feminino e elegante. Por menos atrativo que seja, ter esse visual tipicamente exagerado e extravagante dá um certo ar de humor e diversão ao compor um visual. Vale a pena brincar e testar.

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *